Fundamentos

A Terapia vinculada à dança baseia-se em diversas disciplinas convergentes:

Música: Função essencial à natureza humana, a música está presente em diversas culturas e em diferentes épocas. É um importante fator de identificação, uma vez que há músicas próprias em diferentes povos, que se identificam com elas como sendo de sua origem. Exerce influência sobre sua conduta e seu estado de funcionamento.

Ciência: Diz respeito ao conhecimento ou prática sistemática, em um sentido amplo. Refere-se ainda ao sistema de aquisição de conhecimento realizado através do método científico, resultando em um corpo organizado de saber a partir do que foi pesquisado. Portanto, a ciência é uma atividade humana baseada em princípios desenvolvidos racionalmente. Utiliza um método definido, por meio do qual são produzidos, testados e comprovados conhecimentos considerados objetivos e de validade geral.

Musicoterapia: Utilização da música e seus elementos — som, ritmo, melodia e harmonia — para facilitar a comunicação, o aprendizado, o relacionamento, a expressão e a organização. Essa técnica pode trazer benefícios físicos, mentais, emocionais, sociais e cognitivos. O uso da música tem como objetivo oferecer uma estrutura na direção de ajudar pessoas com questões emocionais, de comportamento ou dificuldades físicas, configurando-se como uma ciência da medicina em desenvolvimento que favorece o equilíbrio entre a mente, o corpo e a realidade.

Vivencie

Palestras e Entrevistas

Balé para crianças

Balé para crianças
Palestras e Entrevistas

Dança contemporânea

Dança contemporânea
Guia

Instituto Brincante

Instituto Brincante

Para pensar

Por que poucos homens praticam terapias vinculadas à dança?

Apesar de as principais referências na área sejam femininas, não há contraindicações quanto aos benefícios masculinos para as terapias vinculadas à dança. No início da década de 1920, havia bailarin...

VEJA MAIS

Possibilidades

Esportes

veja mais sobre o tema