Outras visões

Socialismo: Aparentada com o comunismo, no socialismo a sociedade organiza sua economia e ordem social através da gestão total do Estado, detentor inclusive dos meios de produção. Nesse sistema, são os próprios trabalhadores e produtores que administram os bens e são os responsáveis pelos mecanismos democráticos. O termo “socialismo” foi usado pela primeira vez por Robert Owen (pai do cooperativismo), no século 19. Friedrich Engels (1820-1895) foi outro socialista importante.

Anarquismo: Pode ser vista como uma posição política que significa “sem autoridade nem poder”. Coincide com o marxismo na crítica ao capitalismo e na necessidade de sua eliminação. Surgiu com William Godwin (1756 – 1836) e Charles Fourier (1772-1837), e foi ganhando com o tempo um posicionamento radical. É muito influenciado pela ideia de Jean-Jacques Rousseau (1712-1778) segundo a qual todo indivíduo nasce livre por natureza e é a sociedade que o corrompe através do Estado e de suas instituições. Alguns de seus contribuintes teóricos foram Mikhail Bakunin (1814-1876), Joseph Proudhon (1809-1865), Errico Malatesta (1853-1932), Leon Tolstoi (1828-1910), Max Stirner (1806-1856) e Peter Kropotkin (1842-1921), todos buscando um tipo de explicação política para o problema da liberdade humana. A partir do século 19, foi um teoria muito influente em países como Itália, Rússia e Espanha. Em alguns casos, chegou à radicalidade dos atentados terroristas.

Para pensar

Marx pensa o comunismo como a liberdade plena. Mas como seria possível unir de forma igualmente plena os interesses individuais e coletivos no comunismo?

O grande problema teórico é a concepção sobre o que seria a natureza humana. Se para o marxismo não há uma essência transcendente e a-histórica sobre a liberdade humana, o que permite contrapor a ca...

VEJA MAIS

Possibilidades

veja mais sobre o tema