fbpx
Procurar no site Namu
Logo portal NAMU
HOME » Corpo e Mente » Arteterapia » Dança

Corpo e Mente

Ballet infantil e criativo? Sim, é possível!

Conheça o ballet criativo: um tipo de ballet infantil que traz diversas influências para a criança se desenvolver por completo
Da redação
07/10/19

Você provavelmente já conhece o ballet infantil. Quem sabe até tenha praticado quando criança e tenha filhos ou sobrinhos fazendo aulas também. Mas e o ballet criativo, já ouviu falar?

Simone Sant'Anna, educadora física e professora de dança, explica o conceito de ballet criativo, os diferencias e os benefícios da prática do balé desenvolvida especialmente para crianças. Confira no vídeo abaixo:

O que é ballet infantil criativo

Segundo Simone, o ballet criativo é um tipo de ballet infantil que “vai de encontro à dança da criança”, permitindo que ela encontre sua própria expressão e liberdade para sentir. 

O método mistura as aulas de ballet clássico (sua maior influência) com ritmos diferentes, como danças contemporâneas, infantis e até ritmos brasileiros. 

ballet infantil criativo

O intuito desta diversidade no ballet infantil é fazer com que as crianças não se sintam tolhidas pelo grande rigor das aulas de balé clássico, mas consigam expressar sua própria dança. “Ele permite que a criança traga a sua experiência para dentro do movimento”, explica Simone.  

Benefícios do ballet criativo 

Os benefícios deste novo tipo de ballet infantil são o desenvolvimento mais amplo em todos os sentidos da criança: 

  • desenvolvimento cognitivo; 
  • maior desenvolvimento motor;
  • desenvolvimento sociocultural.

Isso sem falar na liberdade de sentimento e de expressão. Afinal, as próprias crianças interagem e trazem conteúdos para a aula de ballet, transformando sua experiência e contribuindo para descobertas da sua própria dança. Elas adoram!

Além de divertido, o ballet infantil criativo é para todos os gêneros e idades: desde bebês de colo podem aproveitar e se divertir com as músicas. 

Aula de balé criativo

Que tal experimentar com os pequenos de sua família uma aula de ballet infantil com muita criatividade? A professora Simone Sant'Anna ensina o passo a passo de uma aula de balé criativo para você desenvolver em sua própria casa. Confira:

Crianças de todas as idades podem realizar esta atividade. Para aquelas que não têm os instrumentos, indico utilizar garrafinhas pets com diferentes tipos de grãos para fazer os sons”, explica. 

Passo a passo da aula de ballet criativo:

  1. Com o auxílio de uma bolinha, comece a massagear o pescoço com movimentos circulares. Massageie também toda a lateral do corpo, as pernas até chegar nos pés. Este exercício propicia o despertar do corpo, além de aquecê-lo e alongá-lo. 
  1. Com o apoio de instrumentos e contanto uma história, a professora propicia a criatividade, a imaginação e diferentes movimentos corporais para a crianças. “Use também lenços e tecidos para trabalhar a leveza e suavidade dos braços, no ritmo de uma música clássica”, pontua.

Confira todos os outros passos para sua aula de ballet criativo. Você e as crianças vão adorar.

Curso de balé fitness

O ballet criativo é um tipo de ballet infantil voltado para as necessidades de desenvolvimento de criança. Mas, como você sabe, balé também é para adultos e tem muito a contribuir para a saúde. Inclusive, ajudando você a manter seu corpo em forma.

Que ver como? Confira o curso online de Ballet blend: balé como exercício físico, com Anna Paula Martins. Um curso de balé fitness completo para fortalecer os músculos, emagrecer com saúde, alinhar a postura e ficar mais flexível. 


Recomendados
Corpo e Mente

Tarja Branca e a terapia do brincar

Filme de Cacau Rhoden mostra a brincadeira como...

Corpo e Mente

O inconsciente é musical

Para Wanderley Alves Junior, sons podem ativar ...

Corpo e Mente

A arte de ser feliz

Participar de atividades artísticas ou apenas a...

Corpo e Mente

Sem pés no chão

Além de trabalhar com força e consciência corpo...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *