Histórico

Oposição à Academia de Platão. Aristóteles era discípulo de Platão, que faleceu em 348/347 a.C. Assim como o pensamento de Platão esteve ocupado com as questões da pólis grega, Aristóteles também almejava sistematizar um novo discurso metafísico. Diferente da óptica das Ideias platônicas, visou fundamentar um pensamento baseado na experiência para o funcionamento das Cidades.

A Academia do Liceu. Depois da morte de Platão, Aristóteles fez uma sucessão de viagens pelas encostas do mediterrâneo, até que no ano de 335 a.C. fundou em Atenas a Escola do Liceu. Foi um marco para a tradição do aristotelismo, formando discípulos, exercendo a educação da população da pólis, constituindo uma reunião de discussões filosóficas sobre temas do conhecimento.

Legado para a filosofia. Aristóteles faleceu aos 66 anos, cerca de 25 pós a morte de seu mestre. Ao lado de Platão, forma o par inseparável da filosofia grega, as duas grandes chaves de leitura: se Platão deixou um legado indiscutível sobre a idealidade das Ideias, o pensamento aristotélico trouxe uma nova compreensão sobre o ser da matéria, inaugurando uma nova compreensão sobre a noção de experiência.

Para pensar

Quais as implicações teológicas para se compreender Deus como a causa motriz do mundo?

A ideia de Deus em Aristóteles deixa de ser explicada como uma emanação. Ou seja, não é representada como um demiurgo, isto é, não se trata de um Ser que faça parte do imaginário das crenças popular...

VEJA MAIS

Possibilidades

veja mais sobre o tema