Fundamentos

O projeto crítico: Três perguntas definem o essencial do programa das três críticas kantianas:

1) “O que posso conhecer?” — diz respeito às capacidades da faculdade de conhecer humana, ou sobre a condição metafísica para o conhecimento dos objetos exteriores;

2) “o que posso fazer?” — aquilo que determina as condições morais e os direitos do homem ou como ele pode tornar suas ações boas e universais;  

3) O que posso almejar?” — definir o que norteia as aspirações humanas sobre o futuro, e, ao mesmo tempo, possui um caráter teológico.

O entusiasmo da ilustração: Na última fase do pensamento kantiano (período das três críticas) é muito forte a presença do tema da emancipação humana. Kant procura tratar sobre o desenvolvimento da razão humana, como em seu breve, mas importante texto, Resposta à Pergunta: O que é o Esclarecimento? (1784). Sua concepção sobre a necessidade de um uso crítico da razão, em que ela própria é o tribunal de si mesma, influenciaria o pensamento europeu. O governo de Frederico II, na Prússia, e a Revolução Francesa, que ocorreria na década seguinte, foram dois momentos que tiveram profunda ligação com ideais kantianos de liberdade, igualdade e fraternidade.

Para pensar

A distinção precisa entre filosofia e teologia é um conceito chave no pensamento kantiano. É possível encontrar elementos supostamente teológicos que atuariam como fundamento de seu criticismo?

Um problema apontado na filosofia kantiana é o fundamento da reflexão humana. Uma ressalva importante que se faz é a de que Kant não teria se esquivado totalmente da crítica humana, como pretendera....

VEJA MAIS

Possibilidades

Filosofia da Educação

veja mais sobre o tema