fbpx
Procurar no site Namu
Logo portal NAMU
HOME » Alimentação » Funcionais » Gerais

Funcionais

Alimentação e hipertensão: o que têm em comum?

Estresse, tabagismo, excesso de consumo de bebidas alcoólicas, sedentarismo e idade estão entre os fatores que podem causar hipertensão
Da redação
11/04/19

A hipertensão, também conhecida como pressão alta, é um dos problemas mais comuns da sociedade atual. Para a pressão ser considerada elevada, é preciso que ultrapasse os 140/90 mmHg, ou, popularmente falando, os 14 por 9. De acordo com o Ministério da Saúde, 90% dos casos dessa condição são por herança dos pais. Porém, há outras condições que contribuem para o problema, como a alimentação.

Não é novidade que para manter a qualidade de vida é preciso ter hábitos saudáveis. Uma alimentação equilibrada proporciona todos os nutrientes necessários para o corpo e ainda ajuda a prevenir problemas sérios. Mas, afinal, o que alimentação e hipertensão têm em comum?

Hipertensão x Alimentação

Estresse, tabagismo, excesso de consumo de bebidas alcoólicas, sedentarismo, idade, tudo isso pode causar hipertensão. A má alimentação também pode deixar a pressão alta. Por exemplo, uma pessoa que se alimenta todos os dias de alimentos industrializados está mais propensa a ter esse problema do que aquela que opta por cardápios mais naturais.

O excesso de sal, gordura e carboidratos refinados nos alimentos é um dos fatores que mais contribui para a elevação da pressão. Manteigas; carnes processadas (salsicha, salame, presunto, bacon); refeições prontas (pizza, lasanha, macarrão, sopa); bolachas industrializadas, principalmente as recheadas; fast foods (hambúrguer, pizza, batata frita); refrigerante, suco de caixinha; salgadinhos e temperos prontos. Essa é uma lista com alguns dos produtos mais consumidos ultimamente e que, se ingeridos em excesso, podem, realmente, prejudicar a saúde.

hipertensão

Os alimentos certos

Uma pessoa que se alimenta diariamente com um cardápio cheio de sódio, gordura, conservantes e carboidratos refinados tende a ter hipertensão. O ideal é trocar, nem que seja aos poucos, todos os alimentos que fazem mal. Por exemplo, troque os temperos prontos pelos naturais. Cebola, alho, pimenta, coentro, salsinha, cúrcuma, manjericão. Além de deliciosos, esses ingredientes contam com inúmeras propriedades, entre elas ação antioxidante, desintoxicante, anti-inflamatória e cicatrizante.

Minerais como potássio, magnésio e cálcio também são bons aliados da hipertensão, pois podem ajudar a regular a pressão. Banana, manga, água de coco, folhas verde-escuras, oleaginosas, aveia (cereais), grãos, raízes (inhame) e abacate estão entre os alimentos com essas substâncias. Você também pode germinar os alimentos, certamente farão bem ao seu organismo. Lembrando que o ideal é sempre escolher alimentos integrais, por isso evite macarrão, farinha e arroz branco.

Como montar um cardápio saudável

Quem tem pressão alta, normalmente, acredita que precisará parar de comer tudo o que gosta, mas não é bem assim. É possível equilibrar a alimentação e ainda experimentar comidas deliciosas, basta ter bom senso.

O primeiro passo é fazer uma lista com os ingredientes chaves. Gosta da comida temperada? Aposte nos ingredientes naturais. Você pode, inclusive, ter uma horta em casa com tudo o que gostar, já pensou nisso?

Feito isso, anote os pratos que gostaria de comer durante a semana, essa é uma boa tática para preparar marmitas. Fique longe dos alimentos industrializados e acrescente no menu sucos naturais e águas saborizadas.

Lanchinho da tarde? Esqueça as bolachas e as barrinhas industrializadas. O ideal é levar uma fruta na bolsa, você também pode preparar o seu próprio lanche em casa.

Cuidados básicos

Não adianta seguir todas as dicas de alimentação se não se atenta as outras áreas da sua vida. Pratique exercícios físicos, nem que seja duas vezes na semana. A realização constante de atividades físicas controla o nível de colesterol do sangue, regula o sistema nervoso e fortalece o coração.

Se você é hipertenso e gostaria de praticar exercícios físicos, consulte um médico. Converse com o profissional sobre a sua vontade de se exercitar e pergunte qual é a melhor atividade para o seu dia a dia. Lembrando que cada corpo é um corpo, é por isso que o que serve para um pode não servir para o outro.

Anotou todas essas dicas? Que tal aprender duas receitas deliciosas e super saudáveis para o seu almoço? Confira, a seguir, o passo a passo da lasanha de legumes e da musse de banana com manga.

Receitas

Lasanha de legumes

Ingredientes

  • 6 tomates maduros
  • 3 berinjelas
  • 2 abobrinhas italianas
  • ½ cebola
  • 1 colher de sopa de alho
  • 2 colheres de sal (opte pelo mais saudável)
  • 4 colheres de sopa de azeite de oliva extravirgem
  • 20 folhas de manjericão
  • 150 g de queijo (opte pelo mais saudável)
  • 2 xícaras de tomate pelado

Modo de preparo

Lave os legumes e corte-os em fatias bem finas. Em seguida, separadamente, salpique 4 colheres de chá sal sobre as fatias de berinjela e reserve.

Feito isso, prepare o molho de tomate. Refogue a cebola e o alho no azeite e adicione o tomate picado. Em seguida, adicione o tomate pelado. Tempere com o sal restante e acrescente, por último, as folhas de manjericão. Apague o fogo e reserve. Enxague a berinjela e tire o excesso de água. Você pode espremer a berinjela com as mãos.

Em uma forma, coloque um pouco de molho no fundo e, por cima, faça uma camada de legumes. Faça camadas alternando os legumes, o queijo e o molho de tomate. Para finalizar, coloque o molho de tomate. Cubra a forma com papel alumínio e leve ao forno médio por 20 minutos. Passado esse período, deixe mais 20 minutos sem o papel alumínio. Sirva.

Musse de banana e manga

Ingredientes

  • 8 tâmaras sem caroço
  • 3 bananas nanicas maduras
  • 2 colheres de sopa de linhaça
  • 1 colher de sopa de chia
  • 2 mangas
  • ½ colher de chá de canela em pó
  • 1 limão
  • 4 folhas de hortelã
  • 1 colher de chá de raspas de limão

Modo de preparo

Coloque as tâmaras, a chia e a linhaça, cada uma em um pote, de molho por 30 minutos. Escorra e reserve a água do molho, caso precise usá-la mais tarde. Descasque as mangas e corte-as em pedaços grandes.

Coloque as tâmaras, a linhaça, a chia, a banana, a manga, a canela e o suco de limão no liquidificador. Bata até ficar um creme liso e homogêneo. Caso precise, adicione a água reservada. Coloque a musse em taças e leve para a geladeira por, pelo menos, 3 horas. Para finalizar, você pode decorar a sobremesa com as raspas de limão e as folhas de hortelã. Sirva.

Faça em casa

Manter a qualidade de vida está nas suas mãos. Com os cursos online do Namu, você tem a oportunidade de aprender receitas saudáveis para todos os gostos. Ainda tem o privilégio de sair do sedentarismo com a prática de yoga, musculação, dança, treino funcional e pilates. Sabe o melhor? Você pode fazer tudo quando e onde quiser. Não perca mais tempo!


Recomendados
Funcionais

Barra de cereal: consuma com saúde

O alto nível de açúcar e sódio encontrado em al...

Funcionais

A outra face dos alimentos industrializados

Saiba por que  não devemos nos render a pratici...

Funcionais

Alimentos fermentados: o que são e como fazer em casa

De acordo com a chef Silvia Corbucci, alimentos...

Funcionais

Caqui: benefícios e como acrescentá-lo em seu cardápio

Preferido no paladar dos brasileiros, o caqui t...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *