fbpx
Logo portal NAMU
HOME » Estética » Corpo e Pele » Hidratação

Estética

Para que serve a argila verde?

Com propriedades regeneradoras, desintoxicantes, esfoliantes e antisséptica, a argila verde tem sido considerada o tratamento estético da atualidade
Da redação
13/02/20

Na pele, a argila verde funciona como um peeling natural. No couro cabeludo, ela realiza um verdadeiro detox capilar, promovendo limpeza profunda e deixando os fios de cabelo limpos e leves. Por oferecer estes e outros benefícios à pele, aos cabelos e demais partes do corpo, a argila verde tem sido considerada o tratamento estético do momento.

Quer conhecer mais benefícios desse tratamento natural? Então acompanhe o artigo que o NAMU preparou especialmente para você!

Argila verde: o que é?

Os tratamentos com argila estão em alta na indústria da beleza. Mais conhecidos como geoterapia, eles oferecem diversos benefícios à saúde. Embora existam 9 tipos de argila, a de coloração verde se destaca das demais.

Isso acontece porque ela é oriunda da decomposição e degradação de rochas vulcânicas. Ou seja, entre todos os tipos existentes, é a argila que possui a maior concentração de minerais. Entre eles estão o cálcio, o magnésio, o zinco, o potássio, o fósforo e o manganês.

A argila verde possui essa coloração devido a mais um de seus componentes, o óxido de ferro.

argila verde

Para que serve?

A argila verde é utilizada para tratamentos em diversas partes do corpo, da pele ao couro cabeludo.

Pode ser utilizada, por exemplo, no combate à oleosidade da pele do rosto e do couro cabeludo. Além disso, também é extremamente eficaz no combate a problemas como olheiras e até mesmo celulites.

Como preparar?

A maneira mais eficiente de obter todos os benefícios da argila verde é transformá-la em uma pasta. Para isso, deve-se hidratar o pó da argila com água limpa.

Para que isso seja possível, separe um recipiente de vidro, cerâmica ou madeira. Como a argila verde tem o poder de puxar para si alguns elementos, o plástico e o metal devem ser evitados.

Com a ajuda de uma espátula, coloque a argila em pó no pote e hidrate-a com água filtrada. As medidas variam conforme a quantidade desejada, mas geralmente a proporção recomendada é de duas partes de argila para uma de água. A mistura deve ficar pastosa e lisa.

Como usar a argila verde

Conforme pontuamos anteriormente, a argila verde não oferece benefícios apenas à pele do rosto. Outras partes do corpo também podem se beneficiar com as propriedades terapêuticas da argila. Veja a seguir:

No rosto

Para utilizar a argila verde no rosto, aplique a pasta como uma espécie de máscara em toda a zona T. Porém, deve-se deixar um espaço em torno dos olhos e da boca, devido à sensibilidade dessas regiões.

Quanto ao tempo, este pode variar entre 20 e 30 minutos, mas é importante que a pasta esteja bem seca antes da retirada. Caso sinta um leve ardor ou vermelhidão, o recomendado é lavar o rosto apenas com água e aplicar um hidratante na sequência. Isso ajuda a acalmar a pele e a potencializar os efeitos da argila verde.

Já com relação à frequência de uso, ela deve ser aplicada uma vez na semana.

Aprenda a fazer uma máscara facial no curso Cosméticos Naturais e Veganos do NAMU.

No corpo

A argila verde também pode ser utilizada no tratamento de cicatrizes e hematomas. Além disso, ela também atua na renovação celular e no combate às celulites e dores musculares. Nesse caso, deve-se hidratar o pó da argila na proporção 1:1 (uma medida de argila para uma medida de água) e aplicar na área que deseja tratar.

Quando a argila estiver seca, retire-a. Por ser o corpo uma área menos sensível do que o rosto, pode-se aplicar a argila até 3 vezes na semana.

No couro cabeludo

Ela deve ser aplicada apenas na raiz dos cabelos, pois, se for aplicada em toda a extensão dos fios pode promover o ressecamento.

Durante a aplicação, o recomendado é não esfregar, para evitar o atrito e consequente quebra das fibras capilares. Deve-se deslizar os dedos suavemente, até que toda a extensão do couro cabeludo tenha recebido o produto.

O correto é fazer a aplicação com os fios úmidos, aguardar cerca de 20 minutos e remover a argila com a ajuda de shampoo.

Benefícios da argila verde para a pele

Inúmeras são as vantagens do uso da argila verde. Veja a seguir:

Combate a oleosidade da pele

A argila verde contém zinco e silício, minerais que atuam no combate à oleosidade da pele. Por esse motivo, é o tratamento mais recomendado por pessoas que sofrem com cravos e espinhas, por exemplo.

Além de combater a oleosidade da pele, ela também atua como uma espécie de esfoliante, ajudando na renovação celular. Ainda, ajuda a fechar os poros. Dessa forma, a pele do rosto fica muito mais bonita e saudável.

Trata celulites

Por estimular a desintoxicação da pele, a argila verde também é extremamente eficaz contra a celulite. Seu poder anti-inflamatório atinge as camadas de gordura, dissipando-as pouco a pouco.

Ajuda a clarear a pele

Como a argila verde tem um alto poder de regeneração das células, ela também é muito útil no clareamento de manchas. Dessa forma, ela é uma tremenda aliada de quem deseja se livrar de marcas de sol ou de sardas escuras na região dos olhos.

Limpa o couro cabeludo

Sua ação adstringente mantém o couro cabeludo livre de problemas como a caspa e seborreia. E esse benefício estende-se aos fios, que ficam mais limpos, leves e bonitos.

Onde comprar

A argila verde é facilmente encontrada em farmácias ou em lojas de cosméticos naturais. Além destes locais, também é possível encontrá-la em lojas online. Cabe ressaltar que que ela também está disponível na forma de cremes e máscaras prontas, geralmente associada a outros ingredientes.

No entanto, os efeitos do produto são mais eficazes quando ela é utilizada de maneira natural. Ou seja, na forma de pó hidratado com água filtrada.

Quanto custa?

Devido a sua popularização, atualmente é possível adquirir 1kg de argila verde por cerca de R$ 15,00. Entretanto, esse valor pode ser maior ou menor, conforme a região do Brasil.

Argila verde: contraindicações

Apesar de ser um produto natural, a argila verde deve ser utilizada com cautela e responsabilidade.

Pessoas com pele seca devem evitá-la, já que sua ação poderá desidratar a pele. A mesma regra vale para cabelos ressecados, que podem ficar quebradiços e opacos.

Além disso, também não é recomendado utilizar a argila retirada diretamente da natureza. Nesses casos, ela pode estar contaminada com agrotóxicos, esgoto ou demais resíduos químicos mal descartados.

Se você gosta de cuidar de si mesma, vai adorar conhecer o Cosméticos naturais e veganos – Produtos para a pele do NAMU. Com ele, você vai aprender a preparar seus próprios cosméticos, a partir de ingredientes naturais, que não agridem a pele e não prejudicam o meio ambiente.

Durante as aulas, você aprenderá a fazer desodorantes, cremes hidratantes, esfoliantes, dentre outros. Quer fazer escolhas mais conscientes? Então conheça os cursos do NAMU.


Recomendados
Estética

Produtos naturais para cuidar da sua pele

Produtos de cuidados pessoais naturais cuidam d...

Gerais

Ginástica facial: benefícios e porque fazê-la

Que tal suavizar linhas de expressão e rugas se...